Entenda as diferenças e economize ao optar entre um financiamento e um consórcio

Quando você pensa em trocar de carro, começam a surgir na cabeça vários questionamentos sobre como pagar pelo veículo, qual a melhor opção, como comprar o melhor carro, fazendo o menor investimento.

Não basta passar na concessionária toda semana e namorar aquele Gol a venda que está no pátio, com a placa de promoção imperdível. É preciso estar atento aos detalhes e fechar o melhor negócio para você e seu bolso, e não para a loja.

Por isso, mesmo que você não tenha o dinheiro para comprar o seu veículo novo, mas que levar um carro para casa, é importante saber quais as opções que podem garantir que você realize sua vontade.

Você conhece as diferenças entre o financiamento e o consórcio de um veículo? Se você ainda tem dúvidas sobre qual das opções podem se encaixar com as suas necessidades, separamos informações importantes para você neste texto.

Por que fazer um financiamento?

Financiar um veículo é uma das formas mais fáceis de colocar um carro na garagem, mesmo sem ter  todo o dinheiro necessário para pagar pelo automóvel na hora da compra.

A guerra entre as montadoras para aumentar o número de clientes tem causado um efeito no mercado. Nessa concorrência, quem está ganhando mais é o consumidor, que tem benefícios como taxas de juros mais atrativas na hora de fechar um negócio.

O cliente ainda pode contar com sistemas onlines, que fazem a simulação e a contratação de um financiamento na hora.

Características do Financiamento:

O financiamento de veículos não possui uma tabela de juros fixa. Cada empresa pratica uma política diferenciada para atrair seus clientes.

Em geral, os prazos de pagamento são relacionados diretamente as taxas de juro. Na média, em um ano, você paga 26% a mais do valor do veículo somente em juros.

Via de regra, prazos de 12 a 24 meses possuem uma taxa que varia entre 1,5 e 2% do valor contratado. Quanto maior o prazo de pagamento, mais baixa fica a taxa, porém, no acumulado dos meses, o cliente chega a pagar 60% a mais do valor do veículo, somente para segurança do empréstimo, o que conhecemos por juros.

Mas vale a pena?

A resposta certa seria depende. Tudo vai variar de acordo com as necessidades do cliente. Para tirar o carro da loja e colocar na garagem na mesma hora, mesmo sem ter o dinheiro para pagar, o financiamento é a única opção.

Claro, você paga pelo imediatismo, e isso é cobrado na forma de juros sobre o valor emprestado pela empresa para o pagamento integral do veículo para a concessionária.

Por que fazer um consórcio?

Vamos para um exemplo prático. Você está pesquisando um Uno a venda, faz visitas em todas as concessionárias da marca e chega a conclusão que o modelo zero quilômetro, com os opcionais que te agrada, custa R$ 30 mil.

Você não tem esse dinheiro todo disponível para pagamento imediato, e de certa forma, também não está tão descontente com o veículo antigo que já possui.

Nesse momento, uma boa opção para adquirir esse veículo em um espaço de tempo médio, é a aquisição de uma conta em um contrato de consórcio.

Você passa um tempo fixo fazendo uma poupança, que no final do período acordado no contrato, você recebe o seu investimento em forma de uma carta de crédito, que serve como o pagamento do carro que você escolheu na loja.

Características do Consórcio:

O consórcio é uma forma diferente de guardar dinheiro. Diferente da poupança que você guarda o valor integral, e ainda tem o benefício de ganhar juros pelo que está poupando, o consórcio não te paga juros e ainda cobra uma taxa.

Essa é a principal característica de um consórcio. Você poupa uma parcela fixa e para isso paga uma taxa, que varia de acordo com o contrato. Em média essa taxa de administração custa de 10 a 20% do valor da cota do consórcio.

Quanto mais baixa for essa taxa de administração, mais vantajoso é para o cliente. Para não sair no prejuízo é preciso ficar atento a esse detalhe, e também, a idoneidade da empresa administradora do consórcio.

Na prática você paga para poder escolher um carro e depois a empresa administradora do consórcio faz o repasse do dinheiro para a loja, pagando o carro que você escolheu.

Diante das diferenças, qual a melhor opção?

Não importa se você pretende comprar um Ford Fiesta ou um modelo da BMW, a melhor opção é aquela que agrada e atende as suas necessidades.

Quando a conversa é sobre qual é a melhor forma de pagamento, a resposta é, aquela que cabe no seu bolso.

Se você não tem pressa para adquirir o carro, e principalmente, não quer pagar taxas altas de juros, a melhor opção é um consórcio. Se você for sortudo, pode ser contemplado ao longo do período contratado e ter a carta de crédito no valor integral para comprar seu carro antes da hora planejada.

Se você é mais imediatista, e prefere sair da loja com um carro novo, fique atento as taxas de juros e escolha o veículo de acordo com o seu orçamento, fazendo um financiamento que não aperte as contas no final do mês.

Gostou deste texto sobre as diferenças entre o financiamento e o consórcio? E se eu te contar que a Sorella possui seguradoras parceiras que comercializam esses dois produtos, ficou interessado? Nos consulte pelo (47) 3222-0284 ou no e-mail sorella@sorellaseguros.com.br.

 

 

Carta Verde – O seguro obrigatório para viagem de carro pelo Mercosul

 

Quando vamos para Argentina, Paraguai, Uruguai ou demais países do Mercosul, ou quando nossos vizinhos destes países vêm para o Brasil de carro, um seguro se faz obrigatório desde 1994: O Carta Verde.

 

Graças a este seguro, você é reembolsado caso precise pagar por ser civilmente responsável por danos pessoais, danos materiais, despesas médico-hospitalares, invalidez permanente ou morte causados por acidente.

 

A vigência neste seguro é deve ser a mesma do período de permanência no país vizinho. E para maior tranquilidade das famílias, não é uma má ideia contratar para uns 2 dias a mais, para o caso de, em algum imprevisto, precisar ficar mais tempo e continuar coberto.

 

Algumas seguradoras oferecem gratuitamente o Carta Verde como cobertura em suas apólices de Seguro Auto. E independentemente de estar incluso ou não no seguro do veículo, é importante lembrar que pode e deve ser contratado mesmo por quem não tem o seguro do automóvel, já que a ideia do Carta Verde é abranger terceiros.

 

Principalmente no sul do Brasil, não são poucas as famílias que optam por pegar a estrada, tendo como destinos preferidos a Argentina e o Paraguai, na Tríplice Fronteira.

 

Fale com a Sorella e viaje tranquilo: 47 3222 0284 ou sorella@sorellaseguros.com.br.

Sorella é notícia na Taba Magazine com dicas sobre Seguros

Clique aqui para acessar a entrevista com Dalva Beduschi, Diretora da Sorella Consultoria e Corretora de Seguros.

A reportagem apresenta informações sobre o mercado segurador, e sobre as soluções: Seguro de Vida, Seguro Saúde, Seguro Residencial, Seguro Auto, Previdência Privada, entre outros.

Errata:

Na matéria, onde consta a informação de que apenas 7% dos motoristas não têm seguro auto, a informação correta seria: 70% dos motoristas não tem seguro auto (apesar de este ser o seguro mais comercializado).

 

Para mais informações ou cotação de seguro, entre em contato:

47 3222 0284

sorella@sorellaseguros.com.br

5 Procedimentos para reduzir fraudes e preços de seguros

Mesmo quando não há uma fraude, existem fatores que já acabam levando a um aumento no preço dos seguros. Por exemplo: se ocorre de mais veículos serem furtados e poucos deles serem recuperados, naturalmente o valor de investimento em seguro tende a aumentar (ao mesmo tempo em que o próprio seguro se mostra mais necessário).

A fraude acaba por também impactar nos preços dos seguros, pois aumentam a ocorrência de sinistros.

Aqui estão 5 medidas que você pode e deve tomar para reduzir fraudes:

1 – Não agrave os danos para provocar perda total;

2 – Utilize informações legítimas para contratar o seguro. Exemplo: no seguro auto, informe a idade correta do condutor, endereço real do pernoite do veículo, etc.;

3 – Acione a seguradora para danos causados a terceiros somente se você foi realmente o culpado pelo acidente;

4 – Não empreste a carteira do seguro saúde;

5 – Ao contratar seguro saúde ou seguro de vida, não esconda a pré-existência de doenças.

 

Com estas atitudes, você garante que vai realmente receber indenizações devidas (já que é um direito da seguradora não indenizar em caso de fraude), além de ajudar a reduzir os custos com seguros.

Um corretor realmente capacitado e de confiança pode ajudar na contratação consultiva e correta.

Fale com a Sorella:
47 3222 0284
sorella@sorellaseguros.com.br

Consórcio: Alternativa mais acessível que Financiamento para adquirir automóvel ou imóvel

Se você quer um imóvel ou automóvel sem pagar juros, a Sorella tem mais uma solução em parceria com a seguradora Porto Seguro:

O Consórcio para automóveis e imóveis é solução perfeita para quem compara com Financiamento e pode aguardar pela aquisição do bem. Afinal, no Financiamento, você já conta com o bem no início, mas com juros sobre juros.

Ao funcionar como uma compra coletiva, várias pessoas que contribuem com parcelas no grupo levam à possibilidade de um ou alguns bens serem adquiridos a cada mês através das contemplações mensais por lance ou sorteio.

E aqui entra um diferencial interessante do consórcio que comercializamos pela Porto Seguro: a menor taxa de inadimplência do mercado! Isso acaba levando a uma taxa baixíssima de Fundo de reserva (que se reverte em economia para você. Veja informações abaixo).

E ainda há a opção de retirar em dinheiro, bastando quitar ou aguardar o grupo acabar.

Curiosamente, empresas utilizam o consórcio para levantar capital de giro: Sua Pessoa Física pode comprar o consórcio da Pessoa Jurídica.

E ao fazer a contratação, atenção para as dicas:

1 – Compare o Fundo de reserva: Quanto mais baixo o percentual, maior a saúde do grupo. Na solução que comercializamos, esta taxa é de apenas 0,5% (em bancos pode chegar facilmente a 5%).

2 – Prefira os grupos fechados: à medida que as contemplações vão ocorrendo, há cada vez menos pessoas para serem contempladas, e isso faz com que suas chances sejam cada vez maiores.

3 – Entenda os termos relacionados ao Consórcio:

Grupo – União de pessoas interessadas em adquirir um bem;

Cota – Fração com a qual cada consorciado participa do grupo, contendo número utilizado para sorteios e lances;

Fundo comum – Valor dividido pelo prazo e pago mensalmente pelos participantes, destinado às contemplações;

Fundo de reserva – percentual para cobrir eventuais insuficiências. No final do grupo, havendo valor residual, o saldo é corrigido e rateado entre os consorciados;

Taxa de administração – percentual para remunerar a administradora do consórcio pela organização e gestão de interesses do grupo;

Seguro de Vida – Já incluso nas parcelas, sendo um percentual de 0,031% sobre o saldo.

E aqui, uma dica adicional para aumentar suas chances de ser contemplado:

Com o lance embutido, você utiliza até 20% (no consórcio auto) e 30% (no consórcio imóvel) do crédito como lance. Por exemplo: se o valor que você precisa é de R$ 60 mil, você pode ter um consórcio de R$ 100 mil, utilizar R$ 30 mil do crédito no lance, e retirar R$ 70 mil, que ainda é mais do que você precisava.

Quer adquirir um carro, imóvel, terreno, ou mesmo quitar um financiamento, construir ou reformar? Entre em contato: 47 3222 0284 ou sorella@sorellaseguros.com.br

Abertura de Sinistro de Seguro é mais simples do que você imagina:

Se você prefere ir diretamente para o vídeo com as informações abaixo, clique aqui.

Ou, caso queira ler as mesmas informações, acompanhe a seguir:

O que é um sinistro:
É o evento garantido por um seguro e que vai levar uma seguradora a indenizar um cliente. Ou seja, é a situação que leva o segurado a precisar efetivamente do seguro.

Os sinistros que ocorrem com mais frequência são os de automóvel e de vida. Para abertura de sinistro nestes casos, veja as orientações abaixo:

– No caso de sinistro de seguro auto:
1 – Se houve envolvimento com terceiro, fazer B.O. (Boletim de Ocorrência);
2 – Se necessário solicitar o guincho, orientamos o cliente a solicitar diretamente à seguradora, já que será necessário passar o endereço e outras informações que a seguradora vai solicitar sobre o sinistro;
3 – E para abertura do sinistro propriamente dita, estar de posse do B.O. (se foi necessário, conforme acima), CNH e Documento do veículo.

Pode-se entrar em contato direto com a seguradora, mas como o provável nervosismo do acidente pode levar o segurado a não saber o que fazer, estamos à disposição para auxiliar.

– No caso de sinistro de seguro de vida:
Como são sinistros mais delicados, podendo envolver o afastamento temporário, ou invalidez permanente, ou mesmo morte, o ideal é procurar o corretor. Pois são procedimentos diferentes para cada sinistro e diversos documentos diferentes para cada situação. E como já estamos na rotina de abertura de sinistro e já sabemos os documentos necessários para cada caso, orientamos da melhor forma na organização dos documentos, além de abrirmos o sinistro e acompanharmos a resolução.

Na Sorella, por exemplo, temos um departamento de Sinistros que trata justamente do atendimento às aberturas de sinistro, orientando os clientes, enviando as documentações às seguradoras e acompanhando o andamento da resolução (processo que chamamos de regulação de sinistro).

Sempre torcemos para que você não precise abrir um sinistro e, ao mesmo tempo, estamos aqui para sua proteção em todos os ramos de seguro.

Quer proteger suas conquistas? Fale conosco:
47 3222 0284 ou sorella@sorellaseguros.com.br

Responsabilidade Civil: Um seguro que já é presente na sua vida e talvez você não saiba

Antes de falarmos sobre o Seguro, vamos entender o conceito isolado de Responsabilidade Civil:

Trata-se da obrigatoriedade em repararmos os danos que causamos a terceiros.

Como toda atividade humana pode causar aos outros uma forma ou outra de prejuízo, o Seguro de Responsabilidade Civil prevê justamente que, quando um ato involuntário causar danos corporais ou materiais, exista uma garantia de reembolso.

Alguns seguros incluem a cobertura de Responsabilidade Civil e, ao mesmo tempo, trata-se de um seguro que também pode ser contratado de forma isolada. Veja abaixo:

 

Cobertura de Responsabilidade Civil inclusa em outros seguros:

Quando nos envolvemos em um acidente de automóvel, por exemplo, a indenização que é paga pela cobertura de danos causados a terceiros pelo Seguro Auto nada mais é que uma forma de Responsabilidade Civil.

Também no Seguro Residencial pode-se incluir a cobertura Responsabilidade Civil Familiar. Graças a esta cobertura, pode-se ter garantia para situações como estas: nosso cão morde o vizinho, ou nosso filho quebra um vaso em uma visita ao shopping, entre outras situações.

Já o Seguro Compreensivo Empresarial (seguro patrimonial de empresas), pode ter a cobertura Responsabilidade Civil Empregador, que pode servir para uma situação como esta: Mesmo já tendo recebido a indenização de invalidez do Seguro de Vida, por exemplo, nada impede que um colaborador venha a processar a empresa. Assim, esta cobertura protege o patrimônio do empregador, pois garante o ressarcimento, cobrindo também honorários advocatícios, sendo especialmente interessante para empresas em que os colaboradores tem riscos de acidentes.

 

Seguros específicos de Responsabilidade Civil:

  • Seguro D&O (Directors and Officers Liability Insurance), ou Seguro de Responsabilidade Civil dos Diretores e Administradores:
    Proteção para o patrimônio pessoal de Administradores e Diretores para situações em que, enquanto tomadores de decisão, estão sujeitos à legislação brasileira no que diz respeito à possibilidade da responsabilização pessoal (individual, solidária e subsidiária) dos administradores, conforme códigos Tributário, do Consumidor, Penal, entre outros.
    Curiosamente, este seguro pode ser retroativo. Ou seja: pode ter cobertura para reclamações de fatos geradores anteriores à contratação, com a condição de que o processo ainda não esteja em andamento.

 

  • Responsabilidade Civil Profissional:
    Quando os profissionais (Ex.: Contadores, Advogados, Médicos, etc.) geram algum erro que cause prejuízos, o seguro já pode ser acionado mesmo para a tentativa de acordo. Normalmente abreviado para RC Profissional.

 

  • Responsabilidade Civil de Produto:
    Imagine que você é um fabricante de roupas, e um comprador do seu produto alega ter ficado com uma determinada alergia após o contato com a peça e resolva processar sua indústria. O seguro RC Produto vai reembolsar sua empresa quanto à valores devidos.

E existem outros seguros específicos ou coberturas de Responsabilidade Civil que podem ser inclusas nos seguros de outros ramos. Com as pessoas cada vez mais cientes dos seus direitos, o seguro de Responsabilidade Civil torna-se uma alternativa super acessível para evitar maiores dores de cabeça.

Para dúvidas ou cotações, entre em contato com a Sorella: 47 3222 0284 ou sorella@sorellaseguros.com.br.

Vídeo: Seguro de Frota – Economia de tempo e dinheiro

Para aproveitar as dicas sobre Seguro de Frota, você pode ver o vídeo clicando aqui, ou, também, pode ler abaixo:

Muitas vezes a empresa tem alguns caminhões, carros, e tem um seguro para cada veículo. Dependendo da quantidade de veículos, acaba-se perdendo muito tempo fazendo várias cotações ao longo do ano, além de se pagar mais caro pelos seguros, e sem contar que pode-se ter dificuldade com a aceitação de alguns modelos.

Como lembrado por Eduardo Lara e Jennifer de Mello, da equipe Sorella, pode-se, justamente, transformar as apólices em separado em uma apólice de frota.

O Seguro de Frota apresenta estas vantagens:

  • O seguro fica mais barato por conseguirmos mais desconto pelo volume;
  • A empresa passa a fazer uma única cotação, em vez de uma para cada carro. Gerando ganho de tempo e, consequentemente, de dinheiro;
  • aceitação maior de veículos que não teriam seguro se não fosse na frota;
  • Podemos incluir também veículos de sócios que estejam no contrato social, e também de seus cônjuges.

 

Quer tirar dúvidas ou solicitar cotação? Entre em contato:

47 3222 0284
sorella@sorellaseguros.com.br

Sorella na TV: O que o seguro cobre nas catástrofes naturais e como proceder?

A preocupação em orientar a população sobre como se proteger e agir quando acontecem estragos causados pela chuva e pelos ventos motivaram as entrevistas a seguir com as especialistas em seguros e Diretoras da Sorella, Liliana Valle e Lourdes Valle.

Clique nos links a seguir para ver os vídeos:

Lourdes Valle na RBS TV Rede Globo

 

Liliana Valle – Jornal do Almoço – RBS TV – Rede Globo

 

Lourdes Valle em entrevista na Record

 

Lourdes Valle – Jornal do Meio-Dia – RIC Record

 

 

Como comentado nos vídeos acima, a sua tranquilidade começa com a contratação correta dos seguros, com a ajuda de um corretor que faça um atendimento consultivo, como fazemos aqui na Sorella.

Para proteção do seu patrimônio, seja empresa, residência ou automóvel, bem como para cotação de qualquer ramo de seguro, fale conosco:

47 3222 0284 ou sorella@sorellaseguros.com.br.

10 Seguros que você precisa ter mesmo que seja para não usar – Entrevista com a Sorella

A Revista Seguro Total, 1º lugar do Prêmio Nacional de Jornalismo em Seguros, fez esta matéria como resultado da entrevista com nossa Diretora, Liliana Valle. Confira as dicas:

“O seguro morreu de velho”. Sabe o que isso quer dizer? Que uma pessoa despreocupadamente se coloca diante de um risco, às vezes iminente, sem mudar hábitos ou tomar alguma atitude. Se você não se enquadra nesse perfil e gosta de se precaver por adversidades que podem ser previsíveis, essas dicas da Liliana Valle, especialista em seguros da Sorella Consultoria e Corretora de Seguros, são para você. “Vale ressaltar que existem diversas apólices para cada um dos itens abaixo e o mais importante é na hora de conversar com o corretor explicar bem o que se espera e imaginar o cenário em que esse seguro será necessário”, destaca Liliana.

1 – Residência: as coberturas que garantem proteção para a sua moradia são as mais variadas, mas que tal começar por um seguro contra incêndio, vendaval, roubo e danos elétricos?

2 – Vida: nem só na hora da morte esse seguro beneficia a família ou o contratante. O próprio segurado também terá cobertura no caso de uma invalidez permanente por acidente ou doença.

3 – Automóvel: segurança na estrada e fora dela. Roubo, furto e até danos a terceiros, tanto no veículo quanto em pessoas, com cobertura para despesas médicas. Esse seguro merece uma atenção especial e a dica é analisar bem as coberturas adicionais.

4 – Viagem: é possível, através do seguro viagem, ter proteção em diversos casos e situações inesperadas quando se viaja, como assistência médica internacional, auxílio medicamento, regresso sanitário, translado médico e/ou de corpo, reembolso para extravio de bagagens, remarcação de passagem para regresso do segurado e acompanhante, entre outros.

5 – Empresarial: seu negócio não pode parar por qualquer motivo, certo?! Diversas coberturas garantem proteção para empresas, começando por incêndio, raio, explosão, vendaval, até as despesas fixas.

6 – Condomínio: a lei obriga a contratação desse seguro e é importante ficar atento se o seu condomínio está seguindo a legislação. Estão cobertos os danos que possam atingir a estrutura do prédio, tanto nas áreas e instalações comuns como nas privativas.

7 – Perda de renda: garantia da sua remuneração em caso de acidente ou doença. Este seguro é ótimo para autônomos, profissionais liberais ou até mesmo para assalariados que queiram complementar o que receberiam do INSS. Trata-se da reposição da sua renda em caso de afastamento do trabalho por incapacidade temporária coberta.

8 – Responsabilidade Civil: reparação de danos ou prejuízos causados a pessoas ou bens. Além de ser uma cobertura presente em outros seguros, também pode ser um seguro separado, como no caso da Responsabilidade Civil Profissional, que ampara médicos, advogados, contadores e outros profissionais em caso de erros que prejudiquem terceiros.

9 – Risco de Engenharia: a proteção ideal para sua construção, ampliação ou reforma. O seguro dá total cobertura havendo riscos inerentes à construção, inclusive incêndio, erro de execução, sabotagens, roubo e furto qualificado, danos causados por vendaval, queda de granizo, entre outros riscos, inclusive responsabilidade civil.

10 – Seguro Saúde: para empresas que se preocupam com a tranquilidade e o bem-estar dos seus colaboradores. Semelhante aos planos de saúde com atendimento através de convênios, mas podendo realizar as consultas, exames e tratamentos onde o segurado desejar, já que há a opção de solicitar reembolso para a seguradora.

Para cotações destes ou de qualquer outro ramo de seguro, fale conosco:
47 3222 0284 ou sorella@sorellaseguros.com.br.